Hoje eu só queria ser filha

Foto: Depositphotos

*Juliana Dourado

Chegar da aula, falar sobre o meu dia. Te ver na sala ouvindo aquelas músicas que são a sua cara. Fazer uma comida gostosa, do seu jeito, mesmo quando você se queixava de que eu não sabia cortar os legumes direito.

Ouvir você falar sobre os temperos, os cheiros e os sabores. Tomar um café cheiroso, novinho e com canela. Ouvir você fazer um poema sobre algo comum e ver o brilho no seu olhar ao trazer arte ao nosso dia a dia. Eu só queria um xêro e um beijo de boa noite. Te abençoar e abraçar. Queria um minuto a mais com você, meu pai.

Só queria te perguntar como foi quando você se tornou pai? Como faz pra ser uma boa mãe? Como a gente se encontra nessa vida adulta? Ai pai, hoje eu só queria ser apenas filha e ouvir um conselho seu.

*Juliana Dourado é mãe e escritora que ainda tem os livros que vai publicar guardados nas ideias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *