Os muitos véus de uma psicóloga

Ana Paula Verly no Blog Vida de Adulto
Foto: Arquivo pessoal

*Ana Paula Verly

“…todo mundo tem pereba só a bailarina que não tem”
Os muitos véus de uma psicóloga

Sou Ana Paula, psicóloga. Tenho sempre me apresentado assim, mas será que sou só isto? E a mãe de um jovem com tudo que essa idade traz de dor e amor? E aquela que viu, aos 55 anos, seu relacionamento de 30 terminar? E a Ana Paula filha? A vegetariana, a “da antroposofia”? São tantas!

Vivi um tempo fazendo um esforço danado para que tudo fosse equilíbrio e harmonia, mas, de repente, um insight: sabe que nesse equilíbrio dinâmico a cada momento diante daquela necessidade ali, uma Ana Paula retira o véu e se mostra?

Foi assim quando a mãe loba se apresentou ou a mulher chorosa pelas memórias de um passado insistia em continuar em cena. Ah… mas tem a Vida né? O outro, as amigas, o sol, o dia com suas demandas e pronto. É bem assim. Chega a vez de retirar outro véu!

No momento um novo véu vem abrindo espaço para algo precioso do relicário de meu coração: os rezos, o canto, o bem dizer das boas palavras que abençoam – ao bem, soam! Assim vou vivendo… menos vergonhosa e mais amorosa com esse povo todo aí dentro de mim integrado à Ana Paula Psi e dando colinho a cada uma de mim quando eu preciso.


*@anaverly11  é psicóloga infanto juvenil na abordagem corporal e método Extra-Lesson (Antroposofia). “Amo pessoas e natureza, nessa ordem e dedico esse texto a minhas amigas de infância -Manas- um amor de mais de 40 anos.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *