Sempre vai ter roupa suja pra lavar

Renata Varandas no Blog Vida de Adulto
Foto: Depositphotos

*Renata Varandas

Não tem jeito, sempre vai ter roupa suja no cesto esperando ser lavada. Faça o teste: vença a máquina de lavar pelo cansaço. Ao final, cesto vazio, máquina vazia. Todo mundo exausto e uma sensação de vitória sua e dela. Amanhã, volte ao cesto e me fale o que eu já sei: eis que brota, de não sei onde, uma, duas, três, um monte de novas roupas pra lavar. É um círculo vicioso.

Assim é a terapia.

Depois de ver o cesto cada vez mais cheio e você sem saber o que fazer com aquele amontoado de roupas emboladas, mais conhecidas como sentimentos confusos, você resolve que é hora de lavar sua roupa suja. E aí você se dá conta de que virou adulto e precisa aprender a lavar roupa de verdade.

Não pode jogar tudo na máquina de uma vez, senão não lava direito nada e você só vai gastar sabão em pó, amaciante, dinheiro e terapia à toa. Tem que separar as roupas brancas – aqueles problemas que chamam menos atenção – das coloridas, que estão mais latentes.

Também é preciso categorizar a lavagem: separar a camisa de trabalho das roupas íntimas do relacionamento, do pano de prato da família.

Feitas as devidas separações, é hora de encarar a roupa suja e a máquina. Algo que ninguém pode fazer por você, porque não se engane, nem as roupas, nem os sentimentos vão sair correndo sozinhos e se jogar na máquina, com o intuito de deixar a sua rotina mais leve. Também não se iluda que seu companheiro (a) vai pegar as suas roupas sujas e lavar pra você. Esse trabalho é seu: você, as roupas e a máquina.

E aí, instintivamente, você começa a lavar aos poucos o que é prioridade. Vai lavando o que mais usa, depois as peças não tão utilizadas e por último, aqueles casacos que estão no maleiro e só aparecem uma vez no ano, no inverno de junho de Brasília.

O problema é que quando você pensa que lavou todas as roupas de trabalho, surgem outras. E quando você está no meio da lavagem das roupas íntimas do relacionamento, brota um pano de prato de família.

Não importa o quanto a sua máquina de lavar e seu terapeuta sejam bons, todo mundo sempre vai ter roupa suja pra lavar.


*@revarandas escreve às terças-feiras, a cada duas semanas. É uma das organizadoras do Podcast Vida de Adulto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *